SOBRE O CURSO

Este curso de Pós-Graduação da Universidade Fernando Pessoa permite obter habilitações para a docência nos grupos de recrutamento da educação especial no Continente, nos Açores e na Madeira.

O Sistema Nacional de Intervenção Precoce na Infância (SNIPI). foi criado, ao abrigo do Decreto – Lei nº 281/2009, publicado no Diário da República a 6 de outubro, de modo a responder aos desafios colocados aos docentes de Educação Especial com aplicações directas para o desenvolvimento de uma prática eficaz para o atendimento de crianças dos 0 aos 6 anos.

Esta formação permitir-lhes-á o desenvolvimento de competências que favoreçam um atendimento eficaz e com qualidade em acordo com as orientações internacionais e em conformidade com Decreto-Lei anteriormente referenciado.

Com esta formação especializada, nos termos do artigo 3º, alínea a, do Dec. Lei nº 95/97 de 23 de abril, pretende-se que os alunos atinjam o seguinte perfil de competências:

– Identificação dos recursos e das necessidades da criança e da família,
– Identificação do plano de apoios a prestar,
– Estabelecimento do plano individual de apoio à criança e à família,
– Promoção de práticas ecológicas e avaliação dos resultados
– Promoção de oportunidades de socialização e de desenvolvimento em domicílio;
– Preparação das transições;
– Promoção de oportunidades de integração da família na comunidade;
– Promoção do trabalho em equipa e estabelecimento de parceria;
– Clarificação de conhecimentos com articulação reflexiva e crítica, das teorias e conceitos fundamentais em Intervenção Precoce;
– Compreensão da evolução das práticas e conceitos de intervenção precoce em Portugal e no resto da Europa;
– Identificação do grupo-alvo e dos critérios de elegibilidade para a Intervenção, de acordo com a atual legislação portuguesa;
– Aquisição de competências éticas, com base em valores pessoais e profissionais;
– Aquisição de competências funcionais na área da Intervenção Precoce, no que diz respeito a uma intervenção centrada na família, a ser realizada em equipa transdisciplinar, no contexto natural de vida da criança.

A QUEM SE DESTINA
Profissionais de educação com licenciatura aos níveis do pré-escolar, 1º, 2º e 3º ciclos do ensino básico e ensino secundário, docentes de educação especial, psicólogos, técnicos de serviço social, terapeutas e outros profissionais envolvidos em equipas de Intervenção Precoce.

DURAÇÃO
2 semestres
48 ECTS

HORÁRIO
Pós-laboral

CREDITAÇÃO
Acreditado de acordo com a legislação em vigor, pelo Conselho Científico e Pedagógico da Formação Contínua de Professores.

Nº de horas acreditadas para progressão na carreira:250 ( nº 1 artigo 8º Dec-Lei 22/2014 de 11 de Fevereiro)

Possibilidade de creditação para efeitos de prosseguimento de Estudos de Mestrado em Ciências da Educação: Educação Especial, de acordo com a legislação em vigor.

COORDENAÇÃO

Profª. Doutora Fátima Coelho • Profª. Doutora Luísa Saavedra 

Envie o formulário para ser contactado.



CandidatoProfissionalOutro


PortugalPaís UEOutro País













DATAS E CUSTOS

CANDIDATURAS: encerradas
MATRÍCULAS: encerradas

TAXAS*
Candidatura (paga no ato de candidatura): 100€
Matrícula anual: 250€
Propinas: 2040€

* Não dispensa a consulta das Normas Gerais Relativas ao Pagamento das Taxas Escolares na UFP
** “Os membros não aposentados de associações socioprofissionais e seus familiares diretos, abrangidos por protocolos ativos firmados com a UFP, beneficiam de 5% de desconto na propina de frequência”

CONTACTOS

Gabinete de Ingresso
Universidade Fernando Pessoa
Praça 9 de Abril, 349 | 4249-004 Porto
e-mail: ingresso@fundacaofernandopessoa.pt