Sobre o Curso

Resultado do processo de renovação especial da acreditação pela Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES):
Decisão: Acreditado
Data de publicação da decisão: 22-09-2017
Deliberação da A3ES:
ligação e Guião
Vigência da acreditação: 31/07/2020*
Estado atual: A aguardar resultado do pedido de renovação da acreditação ACEF/1920/1002566 (nos termos do artigo 40.º do Regulamento n.º 392/2013, da A3ES)

*A caducidade do prazo de vigência não cessa os efeitos da acreditação deste ciclo de estudos, por se aplicar o disposto no n.º 2 do artigo 38.º do Regulamento n.º 392/2013, da A3ES.

Número máximo de admissões – 45

Regime/Horário: Diurno

O curso de Mestrado em Criminologia procura que o estudante seja capaz de, num contexto multidisciplinar, procurar soluções concretas para as diferentes facetas do crime e da criminalidade, quer do ponto de vista da prevenção, quer da perspetiva da intervenção e reabilitação, quer, ainda, sob a lupa da investigação científica, cuja articulação complementar com investigação criminal garantida pelas forças de segurança se torna uma mais-valia deste domínio científico. A ponte entre o racional teórico e a prática é algo que se procura alcançar junto dos estudantes do Mestrado em Criminologia. A estes desafios, adicionam-se as preocupações com a capacitação dos nossos alunos quanto às implicações éticas e deontológicas, a que se junta a atenção à componente social, que, neste domínio do crime, do comportamento criminoso e da vítima, são de extrema relevância.

Assim, espera-se que os conhecimentos adquiridos permitam ao estudante desenvolver-se nos diferentes campos da Criminologia. Mais concretamente, pretende-se que o aluno seja capaz de desenvolver competências para:

  • Aprofundar mecanismos de atualização permanente de resposta a novas formas de criminalidade;
  • Planear/Implementar programas de avaliação criminológica a nível local/comunitário, nacional;
  • Apreender a realidade criminal integrando os conhecimentos teóricos na redação/emissão de relatórios criminológicos;
  • Desenvolver/Participar ativamente em programas de prevenção criminal (primária, secundária ou terciária) em articulação com organizações judiciárias;
  • Desenvolver/Participar em projetos que integrem equipas inter/multidisciplinares;
  • Dar respostas concretas e apontar possíveis soluções, em termos de políticas criminais futuras;
  • Planear/Realizar investigação científica no âmbito da Criminologia, contribuindo para o avanço deste domínio;
  • Tomar decisões ética, reflexiva e autonomamente, no seu domínio de atuação profissional.

Assim sendo, a formação adquirida permitirá ao estudante, por um lado, reforçar as implicações práticas do conhecimento teórico entretanto alcançado, o que favorecerá a maior possibilidade de abertura ao nível das saídas profissionais associadas à Criminologia, habilitando o aluno, nomeadamente, a exercer funções em órgãos de polícia criminal, no sistema prisional, nos serviços de reinserção social, em centros de proteção de crianças e jovens, em centros educativos de menores delinquentes e em centros de acolhimento e de proteção a vítimas, não sendo de esquecer os poderes locais – como Câmaras Municipais e respetivas polícia e proteção civil, bem como as Juntas de Freguesia. Por outro lado, o estudante estará também capacitado para trabalhar aos níveis das comunidades locais, bem como a nível nacional, junto de organizações judiciárias.

Dados sobre empregabilidade e sucesso escolar: PDF

PLANO DE ESTUDOS

2º Ciclo (Mestrado) · 4 semestres · 120 ECTS
Conforme Despacho n.º 9073/2018, DR 2ª série n.º 186, de 26 de setembro

Área científica predominante: Criminologia

Coordenação

Coordenação: Profª. Doutora Ana Sacau  •  Profª. Doutora Laura Nunes


Para mais informações, preencha e envie o formulário para ser contactado:



CandidatoProfissionalOutro


PortugalPaís UEOutro País













Intercâmbio Erasmus+

Os alunos da Universidade Fernando Pessoa (UFP) que cumpram os critérios de elegibilidade dispõem da possibilidade de realizar períodos de estudo e/ou de estágio em mobilidade internacional.

Os períodos de estudo em mobilidade internacional de estudantes são realizados em instituições de ensino superior fora de Portugal com as quais a UFP mantém acordos de intercâmbio de estudantes ao abrigo do Programa Erasmus+ (no espaço Europeu), ou de outros acordos bilaterais de intercâmbio existentes.

Informação sobre programas de mobilidade/intercâmbio estão disponíveis através do Gabinete de Relações Internacionais (ligação).

Condições de Candidatura

2ª FASE DE CANDIDATURAS
16 a 27 de agosto de 2021

Não dispensa a consulta do Cronograma de Ingresso 2021/22 (PDF)

CONDIÇÕES ESPECIFÍCAS DE INGRESSO

Consulte a informação sobre Condições de Candidatura aos Mestrados (2º Ciclo).

TAXAS ESCOLARES

TAXAS ESCOLARES – MESTRADOS 2021/22

Consulte o documento de Taxas Escolares adequado ao seu caso.

 

VER TAXAS