25 de Setembro | Auditório UFP

Apresentação

Se a arte é, em essência, a criação de algo inútil como muito se tem proferido desde a máxima de Oscar Wilde, o paradoxo é somente em aparência: a noção subentende a experiência da arte enquanto imprescindível à vida do ser humano.
 A arte e a criatividade são espaços de experiência de transformação, irredutível e transversal. A arte é traço da espécie humana e assim traduz formas de registo e auto-conhecimento para a civilização; traz as marcas das forças criadoras e destruidoras do indivíduo e das relações dos indivíduos entre si. A história da arte imortaliza o património; o crítico de arte estuda as características da linguagem artística e das correntes estéticas; o filósofo, o médico ou o psicólogo investigam a função da criatividade e da criação na vida nas suas diversas dimensões psíquica, espiritual, biológica, social e tecnológica, interrogam o enigma das origens e processos da criatividade, a relação da arte com a saúde e a doença, com o corpo e a mente, etc. A arte questiona, transforma e revoluciona as fronteiras e limites entre áreas, concepções e convenções. Ela opera, propulsa, aprofunda, liberta, unifica.

O seminário pretende aprofundar o conhecimento e reflexão sobre o potencial de relações entre as artes, a criatividade e o desenvolvimento humano, psíquico e subjectivo, social e cultural, enquanto fenómenos de investigação. Eles são de grande valor para o avanço das Ciências Humanas, da Saúde, e da Educação, e nomeadamente para a intervenção psicossocial e práticas terapêuticas e psicoterapêuticas em diversas populações, idades e contextos das sociedades contemporâneas na era global e tecnológica.

O programa do evento é aberto a toda comunidade académica em geral, abrangendo estudantes e profissionais de Psicologia como de outras áreas e cursos.

Pretende-se assim promover a troca de saberes entre áreas artísticas e científicas, entre investigadores, profissionais e estudantes da UFP e de outras universidades, culturas e países, para além das barreiras de tradição excessivamente cartesiana que têm separado Artes e Ciências nas sociedades do ocidente.

Nota:
Imagem cedida,  de Alex Meli (2017) – Hyperactivity

Comissão Organizadora e Científica

Prof. Doutora Marta Matos (UFP)
Prof. Doutora Ana Lúcia Marsillac (UFSC e APPOA)
Dra Flávia Toledo (APPOA e UFP)

Programa

PROVISÓRIO

9.00 | 9:30 Recepção dos participantes

9:30 Abertura do evento
Reitoria, Pró-Reitoria e Direcção da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais

10:00 | 11:30 –  Mesa 1 : Arte e Saúde : as palavras que transformam
Moderação – Ana Lúcia Marsillac (Universidade Federal de Santa
Catarina (UFSC) e Associação Psicanalítica de Porto Alegre (APPOA)

10:00 Arte e Psicologia (título provisório)
Marta Matos (Universidade Fernando Pessoa)
10:30 Medicina e Outras Artes — da Literatura & Medicina à Medicina Narrativa e Humanidades Médicas (título provisório)
Isabel Patim (Universidade Fernando Pessoa)
11:00 Um simples toque de Midas: Sagrado, Háptico e Tecnológico (título provisório)
Diogo Marques (investig. pós-doc na Univ. Fernando Pessoa)

11:30 Intervalo

11:45 Biblioterapia (Universidade Fernando Pessoa) (título a confirmar)
Rute Meneses

12:15 Questões/Discussão

12:45 Intervalo Almoço

14:00 | 16:00 Mesa 2: Brincar e criatividade na intervenção clínica: modalidades da subjectivação
Moderação – Marta Matos (Univ. Fernando Pessoa)

14:00 Criatividade Vital: Winnicott e a origem lúdica do self
Paulo Renato de Jesus (Centro de Filosofia da Universidade de Lisboa e Universidade Portucalense)
14:30 Experiências traumáticas e criativas: os (des)enlaces entre arte, psicanálise e clínica
Anelise H. Mondardo (Observatório de Estudos Visuais e Arqueologia dos Media/Univ. Nova de Lisboa (EVAM/UNL), Centro de Estudos Psicanalíticos de Porto Alegre (CEPdePA) e Associação Portuguesa de Psicanálise e Psicoterapia Psicanalítica (APPPP)
15:00 Uma foto-grafia de si: Recursos subjetivos possíveis (título a confirmar)
Flávia de Toledo O. Lucas (Associação Psicanalítica de Porto Alegre (APPOA) e mestranda na Univ. Fernando Pessoa) & Mário Serra (psicólogo no Brasil e mestrando na Univ. Fernando Pessoa)
15:30 Intervenção Clínica na Psicose
Ana Lucia M. de Marsillac (Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Associação Psicanalítica de Porto Alegre – APPOA)

16:00 -16:45 Questões/Discussão

16:45 Intervalo

17:00 | 18:00 Mesa 3: Questões contemporâneas e saúde psicosocial : bem-estar e mal-estar na civilização
Moderação : Flávia Toledo
17:00 Adolescência, mídias digitais e o impacto na clínica
Maria Lúcia M. Stein (Associação Psicanalítica de Porto Alegre – APPOA)
17:30 O brincar e a problemática do desejo na modernidade
Tanja Joy Schöner Lopes (Centro Português de Psicanálise (CPP) e Associação Lacaniana Internacional (ALI)

18:00 Questões/Discussão

18:30 Encerramento

Valores e Ficha de Inscrição

Alunos – 5.00 €
Público Geral – 10.00 €

NOTA:

  • A inscrição é obrigatória e deve ser realizada online. Comprovativo enviado na ficha de inscrição ou enviado por email juntamente com o nome do titular da conta se não corresponder com o participante.
  • O valor inclui: O certificado (enviados por email) documentação(programa etc)

Devoluções: O valor da inscrição só será devolvido caso desista da participação com 10 dias de antecedência e devidamente justificada. Será feita a devolução ficando os custos (caso existam) a cargo do participante.

 






















AlunosPúblico Geral

NOTA 1: O pagamento deverá ser realizado através de transferência Bancária à ordem de Fundação Fernando Pessoa, para o NIB: 001000003349138000175. O Banco da conta beneficiária é o BPI-Banco Português de Investimento.

NOTA 2: Os alunos da UFP, após a inscrição on-line, poderão fazer o pagamento, diretamente no Gabinete de Eventos (junto à Sala de Professores) no seguinte horário: 15.00-17.00



Importante:

Participando neste evento, autorizo a UFP – Universidade Fernando Pessoa a fazer recolha de áudio e/ou da minha imagem fotográfica, vídeo ou outra forma de media.
Os dados recolhidos serão utilizados para registo (arquivo) do evento e poderão ser usados para a sua transmissão nos canais de comunicação da UFP bem como para a respetiva produção de material de divulgação da Universidade.

Participating in this event, I authorize UFP - Universidade Fernando Pessoa collect audio and / or my image in photography, video or other form of media.
The collected data will be used for the registration (archive) of the event and may be used for its transmission in the communication channels of the UFP and respective production of material of publicity of the University.